Veja os principais segmentos de atuação da Radix

Usando nossa experiência, apoiamos diferentes clientes em seus desafios.

Entenda como
nossas soluções
são desenvolvidas

Saiba como combinamos
IT, ET, OT e para entregar
soluções mais completas.

Inspire-se com as
principais tecnologias
e tendências do mercado

Conheça nossas novidades
e fique por dentro de temas
atuais relevantes.

TRENDING TOPICS

Conheça quem
somos, nossas ações
e parcerias.

Conectamos pessoas,
oportunidades e negócios
ao redor do mundo.  

/

Insights

Driblando a Frustração Digital na Cadeia de Suprimentos

Lançamentos tecnológicos têm chamado atenção das empresas, mas a depender do nível de maturidade, um processo de transformação digital pode tornar-se uma frustração digital.

A Indústria 4.0 transformou a maneira que as empresas executam suas etapas de produção e distribuição. As inovações tecnológicas otimizaram processos, potencializaram lucros operacionais e geraram inúmeros ganhos para o ecossistema ESG (Environmental, Social and Corporate Governance). A revolução digital abriu – e continua abrindo – portas cada vez mais importantes para uma realidade irreversível, na qual a tecnologia é protagonista e promete impactar de forma permanente vários setores do mercado nos próximos anos. Companhias ao redor de todo o mundo investem cada vez mais na chamada “Transformação Digital”, caracterizada pela etapa de implantação de tecnologias digitais para solucionar problemas tradicionais. Durante este processo, recursos tecnológicos são integrados em todas as áreas de um negócio, modificando a maneira de agregar valor aos clientes. A adoção de tecnologias digitais inovadoras gera mudanças culturais e operacionais para atender demandas de clientes em constante transformação.

Apesar de um caminho inevitável, o processo de transformação digital não é simples e nem sempre significa garantia de resultados satisfatórios. Uma pesquisa realizada pela Boston Consulting Group (BCG) revelou que 70% das transformações digitais não são bem-sucedidas e não atingem seus objetivos. Ou seja, somente 30 milhões de dólares, a cada 100 milhões investidos em projetos de transformação digital, geram os resultados e objetivos esperados. O estudo em questão foi desenvolvido com a participação de 70 empresas globais líderes em transformação digital, além de dados externos, principalmente relacionados a respostas de executivos em uma pesquisa detalhada sobre a experiência de transformação.

Neste contexto, ficam alguns questionamentos: o que justifica esse número ser tão baixo? Por que as empresas fracassam em seus respectivos projetos de transformação digital e não conseguem agregar valor aos seus negócios? Para isso, há algumas respostas como “choque cultural e dificuldades organizacionais que geram resistência” ou “ausência de uma estruturação durante a gestão da mudança” ou ainda “falta de continuidade em função do déficit de talentos”, que são válidas mas não explicam completamente as dificuldades que podem surgir durante os projetos de implantação.

Após muitos anos de experiência, atuando com clientes de diferentes segmentos, a Radix identificou outros dois fatores que contribuem de forma determinante para o fracasso dos planos de transformação digital, que acabam não atendendo as expectativas: ausência de uma abordagem híbrida e dificuldade de estruturação das áreas de TI. A primeira causa está relacionada à ausência de integração entre desenvolvimento tecnológico inovador e aplicação de conhecimento básico de fenômenos físicos e químicos. Os projetos precisam levar em consideração as descobertas e estudos de décadas e séculos passados. Assim, há uma grande necessidade de incluirmos nos projetos de transformação digital o conhecimento prévio com ciências físicas e químicas por meio, por exemplo, de uma abordagem híbrida. É preciso que a implantação de inteligência artificial esteja associada aos modelos matemáticos tradicionalmente já conhecidos, o que possibilitará não apenas o desenvolvimento de protótipos empíricos e baseados em dados experimentais, como também a utilização de simulação computacional que permitirá a variação de padrões matemáticos.

Soma-se à essa base de dados já estudada, desenvolvida e testada, a implantação de inteligência artificial, de forma a completar todo o processo. A mensagem importante nessa etapa é que a inteligência artificial é um artefato adicional dentro da caixa de ferramentas, e não o item que substituirá toda a caixa, tornando-a desnecessária.

Já o segundo é sobre a infraestrutura de TI existente nas corporações. Na maioria das vezes, esta infraestrutura não é verificada antes do início dos projetos de transformação digital, de forma que sistemas e rede de TI não estão robustos suficientemente para suportar as demandas das unidades de negócio. Por isso, é essencial que sejam feitos investimentos em arquitetura de rede, sistemas de segurança de dados e outras funcionalidades que garantirão a robustez necessária para o suporte às áreas de negócios e seus respectivos projetos por parte da área de TI. Vale ressaltar que a inteligência operacional é fundamental para o sucesso de um negócio e, por isso, um dos pilares da Transformação Digital. Por meio dela, é possível garantir a eficácia das operações e mitigar os riscos, ao mesmo tempo. Esse processo é construído levando em consideração as escolhas relacionadas à execução de produção e serviço, manutenção, gerenciamento da cadeia de suprimentos e vendas.

Driblando a Frustração Digital na Cadeia de Suprimentos

Com 30 anos de experiência de mercado, a Radix apoia seus clientes na compreensão de como a tecnologia pode ajudá-los a superar seus principais desafios operacionais e impulsionar o crescimento dos seus negócios, tendo em vista os pilares apontados acima. Para tal, combinamos áreas de Engenharia, Desenvolvimento de Software, Automação, TI Industrial e Consultoria para oferecer aos nossos clientes soluções personalizadas que atendam às suas necessidades.

Driblando a Frustração Digital na Cadeia de Suprimentos

Desse modo, para garantir total eficácia e adaptabilidade para o cliente, a abordagem da Radix em projetos de Transformação Digital começa definindo as perguntas que devem ser respondidas. Questões como “Qual é o meu problema chave?”, “Quais áreas são impactadas?”, “Como é a estrutura de TI existente na companhia?”, “Há eficaz governança de dados?” auxiliarão durante o processo de decisão e serão fundamentais na escolha da modelagem híbrida a ser implementada. Entendemos que especificar as questões-chave é um passo estratégico para capitalizar o verdadeiro valor da Transformação Digital. Com as respostas definidas e esclarecidas, focamos na implantação do framework desenvolvido para projetos dessa natureza, no qual há o atendimento, em paralelo, de ambos os atores principais do cliente: as áreas de Negócios e a área de TI.

Driblando a Frustração Digital na Cadeia de Suprimentos

Assim, as áreas de Negócios são atendidas por meio do estabelecimento de uma série de sprints com times ágeis que garantem a entrega de projetos estratégicos em um curto intervalo de tempo. Isso aumenta o desempenho da corporação diante do mercado competitivo. Desse modo, fatores como agilidade, adaptabilidade e escalabilidade são inteiramente constatados, o que assegura resultados satisfatórios para as respectivas Unidades de Negócio.

Especificamente para as áreas de TI, a Radix desenvolve projetos para centralização de plataformas, arquitetura de dados e rede e orquestração de micro serviços, o que garantirá a robustez, segurança e estabilidade necessárias para o posterior suporte às demais áreas da companhia. Por meio da aplicação desse framework, por exemplo, a Radix utilizou metodologias híbridas, principalmente para manutenção preditiva em um projeto focado na área petroquímica. Como resultado, o cliente relatou cerca de 400% de economia em um período anterior à entrega, o que gerou aproximadamente 4,8 milhões de dólares de economia em um investimento, até este ponto, de 1,4 milhões de dólares.

Sobre o autor

Este artigo é de autoria de Geraldo Rochocz, CTO (Chief Technology Officer) da Radix e responsável pela área de novos negócios e produtos, projetos de PD&I, parcerias tecnológicas, gestão de TI, gestão de performance e definição da estratégica de evolução do portfólio da Radix, com ênfase em Transformação Digital. Graduado em Engenharia Química pelo Instituto Militar de Engenharia (IME-RJ) e Mestre em Engenharia Química pela COPPE-UFRJ, Geraldo é também um dos sócios fundadores da Radix, onde já ocupou os cargos de Diretor de PD&I e Diretor Financeiro.

Sobre a Radix

Empresa global líder em tecnologia e com sedes no Rio de Janeiro (BR) e em Houston (EUA), a Radix apoia as principais empresas do cenário global na transformação digital, atuando nas áreas de Engenharia, Automação Industrial, Desenvolvimento de Software e TI e Consultoria com o objetivo de transformar conhecimento técnico-científico em soluções altamente qualificadas, adequadas aos contextos particulares de cada operação e empresa, com independência tecnológica e que gerem valor comercial direto.

Quer saber como transformar a sua operação? Queremos conhecer os seus desafios e discutir suas ideias! Clique aqui e fale um de nossos especialistas.

Categorias

Textos recentes

Impulsionando a Otimização do setor de Manufatura
Como Alcançar a Otimização de Processos Orientada por Dados na Indústria de Papel e Celulose
Insights sobre o Cumprimento das Metas de Sustentabilidade no setor de Óleo e Gás em 2024
O Futuro da Energia: Como o Ecossistema de Realidade Digital Transformará o setor de Óleo e Gás em 2024?
Rumo ao Futuro da Indústria do Varejo

Tags

Aviso de Privacidade para Candidatos

Nós, da Radix Engenharia e Desenvolvimento de Software S/A (“Radix” ou “Empresa”), queremos contar quais dados pessoais temos e o que fazemos com eles. Até porque, nos preocupamos com a privacidade de nossos candidatos, e sabemos o quanto é importante ter os seus dados pessoais protegidos. Diante disso, é fundamental que conheçam de que maneira tratamos os seus dados pessoais, para que tenham o controle sobre eles.

 

DEFINIÇÕES

Dado Pessoal: é qualquer informação que, direta ou indiretamente, sozinha ou acompanhada de outros dados, identifique ou possa identificar uma pessoa física, como nome, números identificativos, dados locacionais, número de contas, identificadores eletrônicos.

Dado Pessoal Sensível: dado pessoal sobre a origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dado referente à saúde ou à vida sexual, dado genético ou biométrico, quando vinculado a uma pessoa natural.

Dado Pessoal Pseudonimizado: é um tipo de dado pessoal que, isoladamente, não é capaz de identificar alguém. Dados agregados, como aqueles relativos a grupos de determinada faixa etária ou grupos domiciliados em determinado local, sem identificação individual, seriam considerados pseudonimizados.

Encarregado de Dados ou Data Protection Officer (“DPO”): é a pessoa indicada pela RADIX para atuar como o canal de comunicação entre a RADIX, o cliente e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

Titular: pessoa física à qual os Dados Pessoais ou Dados Pessoais Sensíveis são relacionados, ou seja, você.

Tratamento de Dados Pessoais: operação ou um conjunto de operações efetuadas sobre Dados Pessoais ou conjuntos de Dados Pessoais, por meios automatizados ou não automatizados, tais como a coleta, o registro, a organização, a armazenamento, alteração, a recuperação, a consulta, a utilização, a divulgação por transmissão, difusão, ou qualquer outra forma de disponibilização, a comparação ou interconexão, a limitação, remoção ou destruição.

LGPD: é a Lei no 13.709/2018 que regula a proteção de dados pessoais.

 

COMO COLETAMOS E UTILIZAMOS OS DADOS DOS CANDIDATOS?

Recebimento de currículo, com nome completo, endereço, e-mail, data de nascimento, número de telefone, escolaridade, gênero, RG e CPF.
Outros dados sobre você poderão ser solicitados durante o recrutamento, como: última remuneração, grau de instrução, pretensão salarial e declaração de experiências profissionais anteriores.

Em caso de candidato que seja pessoa com deficiência (PcD), serão coletados dados de saúde (como: laudo médico para comprovação).

Outra forma de obtenção de dados pessoais é por meio de terceiros envolvidos com o recrutamento de candidatos, por exemplo, consultorias, recrutadores e sites especializados em ofertas de empregos. Nestes casos, somente trataremos dados pessoais tornados manifestamente públicos pelo próprio titular (ex.: Linkedin) ou que o titular tenha compartilhado com terceiros que atuam com recrutamento de candidatos.

Finalidades: identificar os candidatos; avaliar e conferir a formação educacional, experiências profissionais prévias, qualificações e interesses relacionados à vaga de emprego do candidato; fornecer ofertas e contratos de trabalho.

Dados pessoais sobre orientação sexual e convicção política ou religiosa não serão coletados pela RADIX.

 

COM QUEM A RADIX COMPARTILHA SEUS DADOS?

Dos candidatos, podemos compartilhar os seus dados pessoais com o setor de Recursos Humanos e TI de todas unidades e filiais da Empresa no Brasil e com colaboradores internos e capacitados da RADIX, que são obrigados a preservar a confidencialidade de suas informações.

 

DIREITOS DOS TITULARES

Direito de confirmação de tratamento, informação e acesso aos dados (art. 18, I, II e VII): você pode solicitar o acesso aos seus dados pessoais a qualquer momento.

Direito à revogação do consentimento (art. 18, IX): você pode, a qualquer momento, revogar algum consentimento que tenha fornecido à RADIX.
Direito de retificação dos dados (art. 18, III): em determinadas circunstâncias, você pode solicitar a correção dos dados pessoais que considerar incompletos, inexatos ou desatualizados.

Direito à eliminação de dados tratados com consentimento (art. 18, VI): se a RADIX estiver utilizando seus dados pessoais porque você consentiu, é seu direito solicitar, a qualquer momento, a eliminação destes dados pessoais.

Direito à anonimização, bloqueio ou eliminação de dados (art. 18, IV): a RADIX tem por premissa tratar apenas dados pessoais necessários para as finalidades pretendidas, contudo, se você considerar que os seus dados pessoais utilizados pela RADIX são excessivos para atingirmos as finalidades, você pode solicitar a anonimização, o bloqueio ou a eliminação destes dados pessoais.

Direito de portabilidade de dados (art. 18, V): em algumas situações, você poderá solicitar a portabilidade de seus dados pessoais. Para isso, a RADIX disponibilizará um documento digitalizado simples para o outro controlador/companhia que contenha, exclusivamente, os dados pessoais indicados por você e que a RADIX realize o tratamento.

Direito de Oposição (art. 18, §2o): a RADIX tem por premissa observar todas as regras da LGPD. Contudo, se você considerar que a RADIX não está observando o que a LGPD determina quando utiliza seus dados pessoais, você poderá se opor ao tratamento dos seus dados pessoais a qualquer momento.

Direito de revisão de decisões automatizadas (art. 20): se a RADIX utilizar seus dados para tomar decisões exclusivamente automatizadas, ou seja, sem qualquer intervenção humana, você pode solicitar a revisão da decisão.

 

DÚVIDAS E RECLAMAÇÕES

Para realizar uma solicitação ou caso queira informações adicionais sobre os seus dados pessoais, você pode entrar em contato com o nosso DPO através do e-mail: dpo@radixeng.com.br, para solicitar o exercício dos direitos.

 

POR QUANTO TEMPO SEUS DADOS FICAM SOB NOSSOS CUIDADOS?

Mantemos os dados pessoais dos candidatos por períodos específicos, a depender da sua contratação ou não. Nesse último caso, o período será de 2 (dois) anos após o envio do CV (exceto se menor, caso em que o período será apenas até o fechamento da vaga ou caso em que o candidato solicitar o término do tratamento e a exclusão de seus dados pessoais).

Os dados coletados pela Radix serão armazenados em ambiente seguro, observando o estado atual das tecnologias de segurança disponíveis.

 

COMO PROTEGEMOS SEUS DADOS PESSOAIS?

A RADIX se esforça para cumprir as leis e regulamentos aplicáveis relacionados à proteção de dados pessoais em suas atividades com padrões rígidos de segurança e confidencialidade, fornecendo aos nossos colaboradores e candidatos um ambiente seguro e confiável.

Além disso, restringimos o acesso às suas informações somente por pessoas autorizadas e capacitadas para lhes conferir o tratamento adequado, com obrigações de confidencialidade e sigilo e mediante a adoção de medidas de segurança.

 

QUEM É O CONTROLADOR DOS SEUS DADOS?

A RADIX, pessoa jurídica de direito privado, Rua do Passeio, 38, Centro, Rio de Janeiro/RJ, CEP 20021-290 e CNPJ/MF no 11.677.441/0001-49, é a controladora de seus dados pessoais. Para fins da legislação aplicável, controlador é a quem compete as decisões referentes ao tratamento de dados pessoais.

 

ALTERAÇÕES DESTE AVISO

Este Aviso poderá vir a ser alterado a qualquer tempo. Sempre a última versão será considerada à versão vigente.

Aviso de Privacidade e Proteção de dados Pessoais

Olá, usuário(a)! Seja bem-vindo(a)!

Nós, da Radix, nos preocupamos com o respeito à privacidade e proteção dos seus dados pessoais. Assim, esse Aviso tem o objetivo de informar você, titular, como os seus dados pessoais são tratados por nós. Aqui, explicamos o que acontece com os dados durante o seu ciclo de tratamento e como garantimos que isso ocorre da forma mais segura possível.

Seguimos os princípios e regras previstas na Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (Lei n° 13.709/2018, também conhecida como “LGPD”), no Regulamento Europeu de Proteção de Dados (RGPD/GDPR) e demais normas sobre o tema.

Quais conceitos você deve saber para compreender este Aviso?

Dado Pessoal: informação relacionada a pessoa natural (física) que possa identificar a pessoa (ex.: nome, RG, CPF) ou tornar essa pessoa identificável (ex.: endereço, e-mail, telefone, profissão, idade, sexo etc.).

Dado Pessoal Sensível: dado pessoal sobre origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dado referente à saúde ou à vida sexual, dado genético ou biométrico, quando vinculado a uma pessoa natural. Esses dados, considerados de categoria especial, abrem espaço para algum tipo de discriminação do titular e, por isso, demandam um grau de proteção maior.

Titular: pessoa natural a quem se referem os dados pessoais que são objeto de tratamento.

Controlador: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, a quem competem as decisões referentes ao tratamento de dados pessoais.

Operador: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, que realiza o tratamento de dados pessoais em nome do controlador, e a partir das orientações desse.

Encarregado: pessoa indicada pelo controlador e operador para atuar como canal de comunicação entre o controlador, os titulares dos dados e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) e com autoridades de outros países, se necessário. Ele também é conhecido pela denominação DPO (Data Protection Officer).

Agente de tratamento: o controlador e o operador.

Tratamento: toda operação realizada com dados pessoais, por meios automatizados ou não, como as que se referem a coleta, produção, recepção, classificação, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, arquivamento, armazenamento, eliminação, avaliação ou controle da informação, modificação, comunicação, transferência, difusão ou extração.

Transferência internacional de dados: transferência de dados pessoais para país estrangeiro ou organismo internacional do qual o país seja membro.

Uso compartilhado de dados: comunicação, difusão, transferência internacional, interconexão de dados pessoais ou tratamento compartilhado de bancos de dados pessoais por órgãos e entidades públicos no cumprimento de suas competências legais, ou entre esses entes privados, reciprocamente, com autorização específica, para uma ou mais modalidades de tratamento permitidas por esses entes públicos, ou entre entes privados.

Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD): autarquia responsável por zelar, implementar e fiscalizar o cumprimento da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais em todo o Brasil.

 

QUAIS DADOS PESSOAIS TRATAMOS? E PARA QUAIS FINALIDADES?

Candidatos: dados de identificação e contato, experiência profissional e acadêmica. Coletamos os seus dados pessoais através da nossa parceira, a Gupy. Para maiores informações desse tratamento, consulte o Aviso de Privacidade para Candidatos na página Proteção de Dados Pessoais do site;

Colaboradores e ex-colaboradores: dados necessários para cadastro do colaborador e participação nas mídias sociais da Radix, pagamento de salário e demais benefícios, adesão ao plano de saúde e demais dados exigidos pela legislação trabalhista.

Clientes: dados necessários (nome, assinatura, CPF, telefone e e-mail) para identificação e contato; e

Fornecedores e Parceiros de Negócio: dados necessários (nome, assinatura, CPF, telefone e e-mail) para identificação e contato.

Em linhas gerais, os dados pessoais são tratados para as seguintes finalidades:

  • Iniciar o processo de recrutamento e seleção a uma possível oportunidade de emprego aqui na Radix;
  • Dar seguimento ao processo de admissão e demais procedimentos necessários ao contrato firmado e para melhoria dos processos internos de trabalho;
  • Firmar contratos, acordos, aditivos contratuais, faturamento, executar reuniões, comunicações por e-mails e/ou telefone;
  • Solicitar serviços, emitir notas fiscais, assinar contratos e fornecer meios de comunicação;
  • Resguardar os nossos direitos em contratos e processos judiciais, administrativos ou arbitrais; e
  • Cumprir obrigação legal ou regulatória.

 

COMO COLETAMOS OS SEUS DADOS DOS PESSOAIS?

A Radix, em regra, coleta dados pessoais das seguintes formas:

  • Fornecimento pelo próprio usuário no momento do cadastro, preenchimento de formulário ou qualquer outro meio;
  • Coleta de dados através de prestadores de serviços contratados;
  • Coleta automática quando o usuário navega em nossas páginas na internet; e
  • Transferência ou compartilhamento por parceiros de negócios.

Para a coleta automática, fazemos o uso de algumas tecnologias. Acesse o nosso Aviso de Cookies na página Proteção de Dados Pessoais do site para mais informações!

 

COM QUEM COMPARTILHAMOS OS SEUS DADOS PESSOAIS?

Os dados pessoais coletados por nós poderão ser compartilhados com empresas do grupo, parceiros de negócios, fornecedores e prestadores de serviços e com órgãos e entidades da Administração Pública, para:

  • Prestação/operações dos serviços no Brasil e fora do país, se comprometendo a observar padrões definidos em outras normas;
  • Resguardo dos direitos em contratos, processos judiciais, administrativos ou arbitrais;
  • Cumprimento de obrigação legal ou regulatória, ordem judicial ou requerimento de autoridades administrativas que detenham competência legal para sua requisição; ou
  • Transações e reestruturações societárias envolvendo a Radix.

 

A RADIX REALIZA TRANSFERÊNCIA INTERNACIONAL DE DADOS PESSOAIS?

Sim! Há transferência internacional dos dados tratados pela Radix para os Estados Unidos. O tratamento é necessário pelo fato de a Radix ser uma empresa multinacional, com sede também na cidade de Houston/Texas, e, portanto, precisa circular dados entre suas unidades de negócios. Esta transferência também pode ser realizada para armazenar dados na ferramenta Google Analytics. De todo modo, adotamos as cautelas necessárias para que essa transferência ocorra de forma segura.

Em caso de transferência internacional para outros continentes, a exemplo da Europa, a Radix se compromete a observar padrões definidos em normas da União Europeia.

 

COMO PROTEGEMOS OS SEUS DADOS PESSOAIS?

Nós levamos à sério a segurança das informações e empreendemos todos os esforços para proteger seus dados pessoais, evitando incidentes como acesso não autorizado, destruição, perda, alteração, comunicação, divulgação ou qualquer forma de tratamento inadequado ou ilícito.

Nesse contexto, adotamos diversas medidas técnicas e administrativas que incluem: controles de acesso por login e senha; métodos de criptografia de dados; armazenamento de logs de acesso; e cópias de segurança dos dados (backups).

Nossos procedimentos de segurança são continuamente otimizados à medida que novas técnicas se tornam disponíveis.

De todo modo, recomendamos que você também adote medidas para que seu dispositivo usado para acessar nosso site permaneça seguro, tais como: utilizar antivírus e firewall; utilizar a versão atualizada do seu sistema operacional, navegador ou software; e não compartilhar dados de acesso (login e senha) com terceiros.

 

QUAIS DIREITOS VOCÊ TEM SOBRE OS SEUS DADOS PESSOAIS?

A Radix reconhece que você, titular, é o dono dos seus dados e, por tal razão, possui uma série de direitos ligados à gestão desses dados, previstos na LGPD.

Direito de confirmação, acesso aos dados e informações sobre o tratamento: você tem o direito de confirmar se a Radix realiza o tratamento dos seus dados pessoais, bem como ter acesso aos dados tratados por nós. Quando o tratamento tiver origem no seu consentimento ou em contrato, você pode solicitar a cópia eletrônica integral dos dados pessoais.

Direito de correção (ou retificação): você tem o direito de solicitar que a Radix faça a correção de dados que estejam incompletos, incorretos ou desatualizados.

Direito à anonimização, bloqueio ou eliminação dos dados: você tem o direito de solicitar a anonimização, bloqueio ou eliminação dos dados pessoais que sejam desnecessários, excessivos ou tratados pela Radix em desconformidade com as normas de proteção de dados pessoais.

Direito à limitação dos dados: você tem o direito de limitar o tratamento de seus dados pessoais, em caso de (i) contestação da exatidão dos dados pessoais, em um período que permita a Radix verificá-la; (ii) tratamento ilícito, em que você se opõe à exclusão dos dados, mas deseja a limitação do uso destes; (iii) fim das finalidades previstas pela Radix, mas você requer os dados para fins de declaração, exercício ou defesa de um direito num processo judicial; e (iv) pedido de oposição, quando se verifica que a Radix tem razões legítimas para prevalecer sobre o titular.

Direito de portabilidade: você tem o direito de solicitar a transferência para outro controlador dos seus dados pessoais armazenados pela Radix, em formato estruturado e interoperável.

Direito à revogação do consentimento: no caso dos dados tratados com a base legal do consentimento, você pode revogar o consentimento, obrigando a Radix a interromper o respectivo tratamento, salvo se a manutenção dos dados for necessária para resguardar os direitos da Radix e/ou cumprir obrigação legal.

Direito à eliminação de dados tratados com consentimento: no caso dos dados tratados com a base legal do consentimento, você pode solicitar a eliminação, mesmo na hipótese de o tratamento ter sido realizado de forma lícita, salvo se necessário para (i) exercício da liberdade de expressão e de informação; (ii) cumprimento de obrigação legal; (iii) motivos de interesse público no domínio da saúde pública; (iv) ins de arquivo de interesse público, investigação científica ou histórica, e estatísticos; e (v) exercício de direitos em processo judicial, administrativo ou arbitral.

Direito de Oposição: você pode se opor ao tratamento mesmo se não for o caso de consentimento, caso verifique que está sendo realizado em descumprimento à LGPD. Nesse caso, a Radix poderá manter o tratamento, caso esteja amparado em alguma base legal e não se verifique qualquer desconformidade com a lei.

Direito de revisão de decisão automatizadas e direito a não estar sujeito a decisões automatizadas: você tem o direito de solicitar a revisão de decisões que sejam tomadas por meio do uso de inteligência artificial, ou seja, aquelas que acontecem sem a intervenção humana.

 

POR QUANTO TEMPO OS DADOS SÃO ARMAZENADOS?

Somente armazenamos os seus dados pessoais em determinados contextos estritamente necessários para que possamos executar as nossas principais atividades de tratamento, baseadas na finalidade previamente estabelecida. Em determinados casos, será necessário manter os dados pessoais armazenados para resguardar os direitos da Radix em algum processo e/ou cumprir alguma obrigação legal ou regulatória.

Lembre-se: na posição de titular dos dados, é possível que você solicite que sejam excluídos, conforme alguns de seus direitos, como o de revogação do consentimento.

 

COMO POSSO ENTRAR EM CONTATO COM A RADIX?

Nos colocamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida ou possíveis problemas referentes ao tratamento dos seus dados pessoais. Desse modo, criamos um canal de comunicação especialmente para situações em que você deseja exercer qualquer um de seus direitos, ou apenas obter determinadas informações acerca de como os seus dados estão sendo tratados.

Quer entrar em contato? Acesse a nossa página Proteção de Dados Pessoais! Lá, você poderá solicitar os seus direitos e tirar dúvidas sobre o tema com o nosso DPO.

 

QUANDO ESTE AVISO PODE SER ALTERADO?

Este Aviso de Privacidade está sujeito a ser atualizado, caso seja necessário realizar modificações no tratamento de dados pessoais. Assim, recomendamos que revisite este Aviso com frequência para estar ciente de tudo de novo que trazermos aqui!

Aviso de Cookies

Olá, usuário(a)! Seja bem-vindo(a)!

Nós, da Radix, utilizamos a tecnologia de cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado.

Os termos deste Aviso tem o objetivo de informar você, titular e usuário do nosso site, como os  cookies são tratados por nós. Aqui, explicamos o que acontece com os dados durante o seu ciclo de tratamento e como garantimos que isso ocorre da forma mais segura possível.

O presente Aviso de Cookies complementa o nosso Aviso de Privacidade, também disponível no site da Radix.

 

Por que coletamos dados mediante cookies?

Quando você acessa o nosso site, alguns dados podem ser coletados pela Radix de forma automática, por meio de cookies.

Os cookies são considerados pequenos arquivos, de texto ou imagem, captados no site da Radix, e armazenados nos dispositivos utilizados por você (por exemplo: computadores, tablets, smartphones etc.), permitindo a coleta de informações a seu respeito, como o seu idioma, a sua recorrência de acesso e dentre outros. Ou seja, os cookies são registrados para posterior retransmissão ao nosso site quando você volta a visitá-lo

Os cookies podem ser transitórios ou persistentes.
Entende-se que os cookies transitórios são excluídos automaticamente quando você fecha o navegador. Isso inclui especialmente cookies de sessão que armazenam o chamado ID da sessão. Várias solicitações do seu navegador podem ser alocadas à sessão conjunta por meio dos IDs da sessão. Isso facilita o reconhecimento do seu dispositivo ao retornar ao nosso site.

Por outro lado, os cookies persistentes ficam armazenados por um tempo determinado. Você pode excluir os cookies a qualquer momento nas configurações de segurança do seu navegador.

 

O que são cookies?

Os cookies são considerados pequenos arquivos, de texto ou imagem, captados no site da Radix, e armazenados nos dispositivos utilizados pelo usuário (por exemplo: computadores, tablets, smartphones, etc.). Ou seja, os cookies são registrados para posterior retransmissão ao nosso site quando você volta a visitá-lo.

Os cookies podem ser transitórios ou persistentes. Entende-se que os cookies transitórios são excluídos automaticamente quando você fecha o navegador. Isso inclui especialmente cookies de sessão que armazenam o chamado ID da sessão. Várias solicitações do seu navegador podem ser alocadas à sessão conjunta por meio dos IDs da sessão. Isso facilita o reconhecimento do seu dispositivo ao retornar ao nosso site.

Por outro lado,  os cookies persistentes ficam armazenados por um tempo determinado. Você pode excluir os cookies a qualquer momento nas configurações de segurança do seu navegador.

 

Para que servem os cookies?

Os cookies desempenham diversas funções diferentes, tais como permitir que você navegue entre as páginas de maneira eficiente, armazene suas preferências e melhore sua experiência de navegação.

Eles também podem ajudar a personalizar os anúncios publicitários exibidos durante a navegação e as atividades de marketing direcionadas aos nossos usuários, garantindo que eles sejam enviados de acordo com seus interesses e preferências.

 

Quais tipos de cookies utilizamos e para quais finalidades?

Os cookies utilizados pelo site da Radix executam 3 (três) funções, conforme mencionado abaixo:

  1. Cookies Necessários
    Os cookies necessários são fundamentais para habilitar as características básicas do nosso site, tais como proporcionar um login seguro ou ajustar suas preferências de consentimento. Isso permite o correto e adequado funcionamento do site da Radix quando do seu acesso, isto é, são usados para identificar o usuário, garantir o controle de verificações, ajustar a exibição de conteúdo ao equipamento etc.
  2. Cookies Analíticos
    Os cookies analíticos são usados para entender como vocês interagem com o nosso site. Estes cookies ajudam a fornecer informações sobre métricas, o número de visitantes, taxa de rejeição, fonte de tráfego, informações sobre cliques nas páginas do nosso site, etc.
    A Radix realiza a coleta automatizada de informações analíticas por meio do serviço web analytics oferecido pelo Google (Google Analytics e Google Tag Manager – GTM) e YouTube, que por meio de cookies analíticos identifica os seus padrões de navegação no nosso site. Assim, é importante que você saiba que todas essas informações coletadas são compartilhadas com o Google e o YouTube em razão da prestação do serviço de web analytics.
  3. Cookies de Anúncio
    Os cookies de anúncios são usados para entregar aos usuários anúncios personalizados com base nas páginas que visitaram antes e analisar a eficácia da campanha publicitária, por meio do YouTube.

 

Nós recomendamos que você leia atentamente a política de privacidade do Google, disponível no link https://policies.google.com/privacy e do YouTube disponível no link https://www.youtube.com/intl/ALL_br/howyoutubeworks/user-settings/privacy/, para entender sobre como o Google e Youtube tratam essas informações coletadas por cookies analíticos e cookies de anúncio, bem como entender a forma pela qual você pode atualizar, gerenciar, exportar e excluir os seus dados coletados.

Além disso, é importante que você verifique sempre as políticas de privacidade de terceiros e mantenha o controle dos seus dados pessoais em todos os sites que visitar. Lembre-se de que ao fornecer seus dados pessoais, você está confiando aos proprietários de sites e terceiros a responsabilidade de proteger suas informações. Certifique-se de que está ciente de como seus dados pessoais serão usados, armazenados e compartilhados antes de fornecê-los. Verifique também regularmente as configurações de privacidade do seu navegador e do seu dispositivo para garantir que seus dados pessoais estejam sempre protegidos.

 

Tabela de Cookies

A tabela abaixo traz mais informações sobre os cookies que utilizamos no site da Radix, bem como a sua descrição e duração:

CookieFinalidadeDuraçãoTipo
ElementorEste cookie é utilizado pelo tema WordPress do site. Ele permite ao proprietário do site implementar ou alterar o conteúdo do site em tempo realDurante a sessão atualNecessário
_gaCalcula os dados do visitante, da sessão e da campanha e também acompanha o uso do site para o relatório analítico do site. O cookie armazena informações anonimamente e atribui um número gerado aleatoriamente para reconhecer visitantes únicos2 (dois) anosAnalítico (Google Analytics)
_gidArmazena informações sobre como os visitantes usam um site, além de criar um relatório analítico sobre o desempenho do site. Alguns dos dados coletados incluem o número de visitantes, sua fonte e as páginas que visitam anonimamente1 (um) diaAnalítico (Google Analytics)
_gat_gtag_UA_254356892_1Distingue os usuários1 (um) minutoAnalítico (Google Analytics)
_ga_SC4E71NQQDEste cookie pertence ao Google Analytics2 (dois) anosAnalítico (Google Analytics)
_gatRestringe a taxa de solicitação e limita a coleta de dados em sites de alto tráfego1 (um) minutoAnalítico (Google Analytics)
_gcl_auFornecido para verificar a eficiência da publicidade em sites que usam esses serviços3 (três) mesesAnalítico (GTM)
Extensão “_anonymizeIp()”IP é encurtado pela Google nos estados membros da União Europeia e em outros estados do Acordo sobre o Espaço Econômico EuropeuAnalítico (GTM)
ConsentimentoO YouTube define este cookie via youtube-videos incorporado e registra dados estatísticos anônimos2 (dois) anosAnalítico (YouTube)
YSCO cookie YSC é colocado pelo Youtube e é usado para rastrear as vistas dos vídeos incorporados nas páginas do Youtube.Durante a sessão atualAnúncio (YouTube)
VISITOR_INFO1_LIVEUm cookie colocado pelo YouTube para medir a largura de banda que determina se o usuário obtém a nova ou a antiga interface do player5 (cinco) meses e 27 (vinte e sete) diasAnúncio (YouTube)
test_cookieO test_cookie é definido pelo doubleclick.net e é usado para determinar se o navegador do usuário suporta cookies15 (quinze) minutosAnúncio (YouTube)
yt-remote-device-idO YouTube define este cookie para armazenar as preferências de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporadoDurante a sessão atualAnúncio (YouTube)
yt.innertube::requestsEste cookie, definido pelo YouTube, registra uma identificação única para armazenar dados sobre os vídeos do YouTube que o usuário viuDurante a sessão atualAnúncio (YouTube)
yt.innertube::nextIdEste cookie, definido pelo YouTube, registra uma identificação única para armazenar dados sobre os vídeos do YouTube que o usuário viuDurante a sessão atualAnúncio (YouTube)

 

Como gerenciar as suas configurações de cookies?

A maioria dos navegadores de internet são configurados por padrão para aceitar automaticamente a instalação de cookies. No entanto, esses navegadores também possibilitam o gerenciamento de cookies para se enquadrar às suas preferências.

Você também pode remover regularmente todos os cookies que já estão nos seus dispositivos, limpando o histórico do seu navegador. Isso removerá todos os cookies de todos os sites visitados. Contudo, esteja ciente de que, se você desabilitar os cookies que utilizamos no seu navegador, é possível que certas seções ou recursos do site da Radix não funcionem.

Caso você use dispositivos diferentes para visualizar e acessar o site da Radix deve assegurar-se de que cada navegador de cada dispositivo está ajustado para atender suas preferências quanto aos cookies.

Para o gerenciamento de cookies, os meios para configurar cada navegador são diferentes. Dessa maneira, segue abaixo uma lista dos métodos oferecidos pelos principais navegadores para permitir que você gerencie as configurações de cookies em seu navegador.

Para o Internet Explorer:

https://support.microsoft.com/pt-br/windows/excluir-e-gerenciar-cookies-168dab11-0753-043d-7c16-ede5947fc64d

Para o Safari:

https://support.apple.com/pt-br/guide/safari/sfri11471/mac

Para o Google Chrome:

https://support.google.com/accounts/answer/61416?hl=pt-BR

Para o Firefox:

https://support.mozilla.org/pt-PT/kb/ativar-desativar-cookies-websites-utilizam-monitorizar-preferencias

Para o Opera:

https://help.opera.com/en/latest/web-preferences/

Informamos que essa lista não contém todos os navegadores, consulte as seções “Configurações” ou “Suporte” de seu navegador.

 

Como posso entrar em contato com a Radix?

Nos colocamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida ou possíveis problemas referentes ao tratamento dos seus dados pessoais. Desse modo, criamos um canal de comunicação especialmente para situações em que você deseja exercer qualquer um de seus direitos, ou apenas obter determinadas informações acerca de como os seus dados estão sendo tratados.

Quer entrar em contato? Acesse a nossa página Proteção de Dados Pessoais! Lá, você poderá solicitar os seus direitos e tirar dúvidas sobre o tema com o nosso DPO.

 

Quando este Aviso pode ser alterado?

Este Aviso de Cookies está sujeito a ser atualizado, caso seja necessário realizar modificações no uso de cookies. Assim, recomendamos que revisite este Aviso com frequência para estar ciente de tudo de novo que trazermos aqui!