Notícias

Radix investe em digital asset e integra informações 2D e 3D

Digital asset petrobras radix dreamstime xl 42292700

Ao utilizar o conceito de digital asset no desenvolvimento de tecnologias e sistemas inteligentes para o gerenciamento do empreendimento, desde a fase conceitual, passando pelos projetos básicos e executivos - em que utilizam-se ferramentas 2D, até o procurement, construção, comissionamento, operação e manutenção – que são integrados ao 3D, é possível evitar a geração de papel ao transportar por um software as informações 2D para 3D e, assim, entregar o projeto em linhas eletrônicas, mantendo as informações na nuvem para acesso em qualquer mídia e local. 

A Petrobras é responsável pelo gerenciamento da manutenção e administração das bases de dados de 2D e 3D de seus empreendimentos de refino, logística e energia, sendo que os servidores que armazenam os bancos de dados se localizam em uma das sedes da empresa, no Rio de Janeiro. A Radix foi contratada para fazer a administração e manutenção desses bancos de dados dos empreendimentos da Petrobras, além de estudos de interoperabilidade entre diferentes sistemas de engenharia, treinamentos em ferramentas de automação de projetos, desenvolvimento de estudos em 4D, entre outros.  

Segundo o gerente de projetos da Radix, Thiago Tesch, para manipular o volume de dados em formatos distintos, é necessário o uso de algumas tecnologias e softwares específicos. “Temos a perspectiva de usar os softwares da AVEVA, como o PDMS e o Global, para administrar os bancos de dados em 3D, além do software COMOS para administrar os bancos de dados em 2D. Estão previstas a realização de serviços muito diversos, pois temos que operar em todas as diferentes camadas das bases de dados do cliente, e a capacidade de manipulação de dados será gigantesca”, contou Tesch.  

Ao desenvolver novas ferramentas de automação para a Petrobras, a Radix auxilia o cliente na redução de custos, possibilita que profissionais deixem de fazer trabalhos operacionais para se dedicarem mais a atividades estratégicas, além de ganhar em eficiência.