Notícias

Radix ganha prêmio internacional no setor de Oil&Gas

CEO da empresa nos EUA, Flávio Guimarães recebe a distinção por empreendedorismo da Câmara de Comércio Brasil-Texas

Bratecc %281%29

A Radix foi selecionada pela Câmara de Comércio Brasil-Texas (BRATECC) para receber o prêmio de empreendedorismo BRATECC Entrepreneur Company 2019. A BRATECC é uma instituição que fomenta negócios entre empresas brasileiras e americanas, em especial nas áreas de energia, óleo e gás. A cerimônia anual, que aconteceria em março, foi adiada para 24 de junho e acontece de forma virtual em razão da pandemia de Covid-19. O objetivo do evento é reconhecer companhias brasileiras estabelecidas nos Estados Unidos que tenham apresentado cases de sucesso com grandes clientes norte-americanos.

Criada no ano passado, a categoria Empreendedor pretende homenagear e estimular o papel das pequenas e médias empresas na economia. A Radix teve seu papel reconhecido por expandir seus negócios de Engenharia, Software e Consultoria em OT/TI e por promover inovação e atividades em novos mercados. 

- Para iniciar um negócio nos Estados Unidos, país onde a concorrência é sabidamente forte, as empresas devem ser excepcionais. A Radix demonstrou todas as competências e conhecimento necessário para o seu posicionamento bem-sucedido no mercado americano. Sua tecnologia de ponta tem sido fundamental para o sucesso. Desde que estabeleceu a presença nos Estados Unidos, em 2013, a Radix cresceu substancialmente, adicionando projetos de transporte, celulose e papel e educação ao seu negócio principal de petróleo e gás e produtos químicos. A corporação se mostrou um parceiro importante da BRATECC na estratégia de como expandir seus negócios - disse Cid Silveira, diretor operacional da BRATECC.

Flávio Guimarães, CEO da Radix US, lembra que a história da empresa nos Estados Unidos a pedido de um cliente de Houston:

- Em 2013 e nos anos seguintes, o mercado de óleo e gás atravessou um momento delicado, o que nos levou a procurar projetos em novas indústrias. Fomos bem-sucedidos em uma economia desafiadora por conta de um conjunto exclusivo de habilidades: experiência em engenharia, automação industrial, desenvolvimento de software e ciência de dados em uma empresa - conta.

Para Flávio, o crescimento da Radix no mercado internacional se deu porque a empresa entendeu as reais necessidades dos clientes e projetou soluções que os ajudaram a aumentar a eficiência operacional e reduzir custos e riscos:

- Conseguimos um crescimento em nossos negócios da ordem de 40% ao ano e começamos a executar projetos também no Canadá, em Cingapura e na Austrália - cita ele.